• Pergunta de João Moreira

    #000000">O SEBRAE do Estado do Espírito Santo (entidade
    civil sem fins lucrativos) está iniciando uma discussão interna sobre a
    possibilidade de contratarmos uma empresa para fazer captação de recursos para
    os nossos diversos projetos. Somos, podemos assim, dizer, uma agência de
    desenvolvimento, e temos uma marca absolutamente positiva no mercado. Além
    disso, não visamos lucro.



    Nossos projetos são todos voltados para as micro e pequenas empresas e para o
    desenvolvimento da cultura empreendedora, sempre com o foco na geração de renda
    e aumento do emprego. Temos, por exemplo, ações voltadas para o setor de rochas
    ornamentais, móveis, produtores de leite, artesãos, TI, bares e restaurantes,
    costureiras, pessoas em situação de risco social, etc. Atuamos também levando o
    empreendedorismo para as escolas públicas e privadas, do ensino fundamental à
    pós-graduação, com metodologias reconhecidas e aprovadas em todo o Brasil.



    Para todos estes projetos, temos orçamento próprio. Porém, devido à crise, os
    recursos que temos disponíveis estão escasseando. Mesmo já tendo parceiros
    robustos, como o governo do Estado, empresas como Vale e Petrobras, diversos
    prefeituras municipais e entidades representativas do setor empresarial,
    percebemos a necessidade de atrair novos capitais, tanto de entidades nacionais
    quanto as de outros países.



    Mas em que pese termos diversos parceiros institucionais, não temos a expertise
    para captar recursos financeiros no mercado. Decidimos que ter um profissional da
    área de captação é a melhor estratégia a ser adotada.



    Nossos desafios:

    •       Só podemos contratar uma empresa por meio de
    licitação.

    •       Não conhecemos o mercado.

    •       Não sabemos que parâmetros podemos utilizar para
    escolher esta empresa.

    •       Não conhecemos empresas para mandar uma proposta
    para que elas participem de um processo licitatório nosso.



    Como vocês poderiam nos ajudar nesta situação?
    #10;line-break">



    2 Respostas